Biossegurança

O risco de contaminação por materiais ou ambientes infectados é sempre muito alto em clínicas ou hospitais que não dispõem de um sistema de biossegurança adequado.
Em nossas instalações, higiene e biossegurança são consideradas como princípios básicos e fundamentais, indispensáveis para o sucesso do tratamento.

Desde o seu ingresso na clínica, o paciente é orientado a usar o pró-pé – proteção especial para os sapatos – garantindo uma maior segurança e um menor risco de contaminação por fatores externos.

Nos consultórios, todos os equipamentos utilizados durante os procedimentos são cuidadosamente cobertos por capas protetoras.

Para evitar a contaminação cruzada, a limpeza e a esterilização dos instrumentos e equipamentos são fundamentais. O processo se inicia com a desinfecção dos instrumentos no ultra-som. Em seguida, são eles lavados e enviados para a sala de esterilização, onde são acondicionados e esterilizados em modernas autoclaves.